1-Musee-Audemars-Piguet_Foto-Iwan-Baan-CAPA

Museu no Vale de Joux, na Suíça, leva arquitetura do BIG

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

O BIG – Bjarke Ingels Group escritório de arquitetura dinamarquês com sede em Londres, Nova York, Barcelona e Copenhagen, concluiu um novo projeto: o Musée Atelier Audemars Piguet. O museu foi construído para a grife suíça de relógios Audemars Piguet, e fica situado ao lado da antiga fábrica da marca, erguida em 1875. A localização? O Vale de Joux, berço da alta relojoaria na Suíça.

O museu-ateliê foi projetado pelo BIG em parceria com os escritórios CCHE e Atelier Brueckner, e desponta como uma imensa escultura de vidro com vista para as Montanhas do Jura, na fronteira franco-suíça.

Construído em forma de caracol, o edifício permite que as pessoas percorram espaços expositivos em formatos circulares. Conduzidos por um caminho que evoca o interior de um relógio, os visitantes podem admirar os relógios icônicos da Audemars Piguet, exibidos em esferas de vidro e cápsulas de cobre que fazem referência ao Sistema Solar. A concepção arquitetônica do museu também inclui um teto verde, criado especialmente para ajudar a regular a temperatura do edifício.

Você também pode gostar de ler