Como usar plantas na decoração

Como usar plantas na decoração de projetos de luxo

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

O hobbie de cuidar de plantas, antes tido como “coisa de vó” ou restrito a quem tem jardim em casa, ou quintais espaçosos, acabou virando não somente uma tendência, mas um estilo de decoração com referências em todo o mundo. Mas, afinal, você sabe como usar plantas na decoração?

O contato com a natureza tem sido parte essencial em projetos de arquitetura de luxo, seja em condomínios de luxo como o Haras Larissa ou apenas no design de interiores, o uso de plantas na decoração é um elemento cada vez mais presente e até mesmo essencial para projetos de luxo.

O cuidado com as plantas na decoração é uma tarefa muito recompensadora, uma vez que quanto melhores as condições proporcionadas, mais bonitas elas ficam, tornando o ambiente cheio de vida e ainda mais agradável.

 

Decoração com plantas naturais

Usar plantas na decoração tem sido essencial para trazer o contato com a natureza para quem vive em grandes centros urbanos, além de promover sensações positivas associadas ao crescimento e florescimento destas, devido ao cuidado a médio e longo prazo. 

A decoração com plantas naturais exige um certo nível de planejamento, uma vez que as espécies utilizadas devem encaixar-se no dia-a-dia dos moradores. Para os que se ausentam por grandes períodos de tempo, podem ficar tranquilos, há espécies para todos os gostos e estilos.

Usar plantas na decoração garante aos ambientes uma leveza que somente a natureza é capaz de proporcionar. Os cuidados com plantas naturais não precisam ser extensos, uma vez que a maior parte das espécies requer pouca atenção e apenas um fornecimento regular de água e um ambiente iluminado.

Para usar plantas na decoração é preciso lembrar que elas precisam de três fatores fundamentais: água, luz e nutrientes. A enorme variedade de plantas deriva-se destes fatores, uma vez que ao longo da história as plantas tiveram que adaptar-se às mais diferentes condições climáticas ao redor do planeta.

 

Decoração com plantas suspensas

Uma das formas mais comuns de usar plantas na decoração são as plantas suspensas. As espécies favoritas para este tipo de manutenção são samambaias, suculentas, jiboias, peperômia, lambari e hera. 

Estas espécies ficam encantadoras quando colocadas em vasos suspensos, uma vez que seus ramos e folhagens projetam-se para fora, em belíssimas cascatas de formas mais variadas possíveis. 

Estas plantas podem ser penduradas diretamente no teto ou nas paredes, para isso é necessário que seja utilizado equipamento próprio, como vasos, cabos para sustentação e parafusos que sejam capazes de suportar o peso da planta e da terra. A fixação em geral é relativamente simples, podendo ser feita por amadores, mas sempre é indicada a contratação de um profissional para evitar possíveis acidentes.

 

Como usar plantas na decoração da sala

A sala de estar é um dos ambientes mais propícios para usar plantas na decoração. Fáceis de combinar com todo tipo de decoração, as plantas são perfeitas para criar uma atmosfera leve e aconchegante neste ambiente.

 

Decoração com plantas e livros. Foto por George Milton.
como usar plantas na decoração da sala. Foto por George Milton.

 

As plantas auxiliam na purificação do ambiente, promovendo saúde e bem-estar. Também são utilizadas como forma de dar novas texturas ao design de interiores, misturando-se aos elementos não-orgânicos utilizados na decoração.

 

Plantas para apartamento

Quem vive nos grandes centros urbanos pode não estar acostumado ao contato com a natureza, então para saber como usar plantas na decoração é necessário entender alguns passos primeiro.

Descubra quais pontos do seu apartamento são mais iluminados, quais pontos batem sol diretamente e onde há possibilidade de alocar suas futuras plantinhas. A sala de estar geralmente é um bom ambiente para se começar.

É importante ressaltar que algumas plantas não gostam de luz direta, e dependendo da planta, ela pode não se adaptar bem em determinado local, mas não desista, troque o vaso de lugar e continue os cuidados recomendados.

 

Plantas para decoração de interiores

É importante ressaltar que a utilização de diferentes espécies proporciona uma atmosfera mais agradável, com cores variadas e surpresas inesperadas, como flores em diversas épocas do ano e o possível surgimento de novas espécies através da polinização natural.

 

 

Algumas das plantas mais indicadas para se usar em decoração de interiores são:

 

  • samambaia – prefere luz indireta e deve ser mantida longe do vento, pois possui folhas sensíveis;
  • espada-de-são-jorge – nacionalmente conhecida como planta para proteção do lar, a espada-de-são-jorge é extremamente resistente, de fácil cuidado e possui alta resistência à estiagem, não precisando ser regada com frequência;
  • ráfia – pode ser regada a cada 15 dias ou uma vez por mês, dependendo da umidade do ar e da exposição ao sol. Suas folhas longas são belíssimas e a tornam ideal para ambientes amplos;
  • costela-de-adão – com um formato muito singular e um porte magnífico, esta planta necessita de ambientes com luz indireta ou meia sombra, além de regas mais frequentes, pois é preferível que seu solo mantenha-se úmido;
  • suculentas – tipo de planta com milhares de espécimes. Preferem ambientes com luz indireta, precisam de poucas regas e suas folhas acabam criando novos brotos espontaneamente, tornando seus vasos verdadeiras mini-florestas ao longo do tempo;
  • pilea peperomioides – também conhecida como “planta chinesa do dinheiro”, faz parte da família das suculentas, possui lindas folhas redondas e precisa de poucas regas;
  • zamioculca – ideal para espaços com baixa luminosidade, é muito resistente e não deve ser regada em excesso. Ideal para quem precisa se ausentar por longos períodos;
  • cactos – também são ideais para quem não pode ficar regando suas plantas regularmente. Apenas garanta um espaço que pegue sol e aproveite sua plantinha! E para os que pensam que esta é uma planta “chata”, saibam que vários cactos dão lindas flores em alguns períodos do ano, tudo isso sem precisar de cuidados minuciosos;
  • figueira lira – árvore de grande porte que pode ser colocada em ambientes internos. Passa um ótimo efeito visual e é ideal para hall de entrada, varandas e salas de estar. Pode ser exposta a luz direta, indireta ou meia sombra;
  • areca – é um modelo de palmeira muito versátil. Pode ficar exposta ao sol direto, mas suas folhas ficam mais verdes quando mantidas em meia-sombra;
  • jiboia – esta trepadeira é ideal para quem busca uma planta de fácil manutenção. Tem sido muito utilizada na decoração de ambientes internos e se adapta bem com poucas regas;
  • orquídeas – esta planta precisa apenas de regas regulares e luz indireta, possui lindas flores com cores intensas.

 

Usar plantas na decoração de luxo tornou-se um padrão do mercado, pois os diversos benefícios e a praticidade na manutenção permitem que as plantas sejam inseridas na decoração das casas e no nosso cotidiano.

A Coelho da Fonseca possui diversos imóveis em ambientes que promovem o contato com a natureza, elemento essencial para uma boa qualidade de vida.

Você também pode gostar de ler