arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo

Como são os projetos de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

O conceito de alto padrão refere-se a serviços e produtos que sejam raros, exclusivos e que tenham em sua execução a busca por excelência. Esse conceito é aplicado nos projetos de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo, utilizando-se de materiais nobres e metodologias personalizadas para atingir a sofisticação procurada pelos clientes.

Há mais de 40 anos trabalhando com imóveis de luxo, a Coelho da Fonseca é especialista no ramo.

Mercado de luxo na arquitetura

O Brasil foi reconhecido há alguns anos como um oásis para marcas de grife, tornando-se um ponto de interesse para marcas internacionais e investidores do mercado de luxo.

Arquitetura e design de interiores para mercado de luxo são áreas em expansão no país, acompanhando a construção civil. Ao final de 2020, o ramo de arquitetura já apresentava sinais de recuperação após o surgimento da pandemia de Covid-19, com uma alta de 15% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Estima-se que o mercado de luxo brasileiro cresça cerca de 34% até 2025. O país também foi o que apresentou menor retração no setor durante o período de pandemia, um dado significativo para o mercado.

Estes dados apresentam algo que já está evidente há alguns anos: a busca por requinte está cada vez maior, e com ela surgem cada vez mais projetos de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo.

Arquitetura de luxo

Com o aumento da busca de projetos de alto padrão, há também maior variedade de combinações para materiais e técnicas, tudo para atender as necessidades de cada cliente e a demanda por personalização dos projetos.

A arquitetura é a base de qualquer construção civil, entretanto não trata-se apenas disso. É o momento do projeto em que há espaço para criar algo diferente, assim transitando entre a construção e a arte. Esta abertura para inovação é um dos principais diferenciais dos projetos de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo.

Nem sempre é necessário que o empreendimento possua colunas gregas ou uma fachada neoclássica para que seja considerado “luxuoso”, mas é importante que seja um projeto pensado para atender as necessidades apresentadas pelo cliente de forma exclusiva e, muitas vezes, revolucionária.

Alguns dos elementos utilizados na arquitetura de luxo para atingir estes objetivos são: 

  • acabamentos nobres;
  • iluminação (seja ela natural ou projetada);
  • peças assinadas;
  • materiais ecológicos e/ou renováveis;
  • com a tecnologia entrando em voga com as casas inteligentes, sistemas de automação diversos.

 

 

A atenção aos detalhes é um dos principais diferenciais nos projetos de arquitetura e design para o mercado de luxo. Estar alinhado com as necessidades e valores do cliente é essencial para a idealização de um bom projeto.

O que não pode faltar na arquitetura de luxo é um bom projeto de construção, onde o profissional deve ouvir as dores do cliente e esboçar um empreendimento que atenda as necessidades deste, sem deixar de lado a parte estética.

Para atingir estes objetivos, alguns dos materiais utilizados nos projetos são:

  • granito;
  • mármore;
  • corian;
  • madeiras nobres;
  • aço inoxidável; 
  • espelhos;
  • vidros reforçados, entre outros.

Design de interiores de luxo

Em um projeto de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo cada detalhe faz a diferença, desde onde estão as tomadas até quais serão as cores principais utilizadas na decoração.

Após a finalização da parte de construção civil, fica por conta do design de interiores preencher o espaço e torná-lo ainda mais personalizado para as necessidades do cliente por meio da decoração de interiores.

Não importa o estilo escolhido, uma boa iluminação é essencial. Nos últimos anos, a luz natural tem sido muito valorizada na arquitetura onde os projetos têm incluído paredes inteiras em vidro, além de solarium, clarabóias e sidelights.

Entretanto, a ambientação noturna também deve ser levada em consideração, bem como a iluminação específica para espaços como home cinema e closets. 

Um dos itens mais importantes na decoração, a iluminação é um dos pilares principais de qualquer projeto de arquitetura e design de interiores para o mercado de luxo.

O estilo moderno tem sido um dos mais utilizados na arquitetura e no design, com linhas retas, cores neutras (sejam elas claras ou escuras), móveis com design inovador, uso de formas geométricas e em algumas vezes o uso de formas orgânicas.

Este e outros estilos têm sido adotados no chamado “novo luxo”, que tem impulsionado o mercado de decoração de interiores. Móveis de qualidade premium, propostas com maior consciência ambiental e busca por mobiliário atemporal, são marcas deste movimento, que busca deixar de lado o hábito de seguir as tendências sazonais e passar a estabelecer ambientes confortáveis e duráveis.

Casas de luxo arquitetura moderna

Mesmo dentro do mercado de luxo, reconhecido por peças de altíssima qualidade e valores que correspondem a isso, a busca tem sido por bens que não somente tenham qualidade, mas também um design atemporal, fazendo parte da decoração por mais tempo e estabelecendo a visão de “lar”.

Com a pandemia de Covid-19, houve um aumento na busca por tornar a casa um local mais agradável, necessidade já há muito pensada e atendida pelo mercado de luxo. 

O lar tornou-se um ambiente mais permanente, portanto, começou a representar mais a personalidade de seus moradores e atender suas necessidades da melhor forma possível. 

Uma das principais requisições feitas atualmente é a automatização, tornando o empreendimento uma “casa inteligente”, proporcionando comodidades como cortinas e iluminação controladas via aplicativo.

A tecnologia é um dos principais avanços incorporados nos projetos de arquitetura e design para o mercado de luxo, mas é um campo que ainda está em desenvolvimento com o uso de assistentes pessoais e controle via smartphone.

Projetos de imóveis de luxo

O uso de cores de marcas premiadas e mobiliário assinado é tradicional no mercado de arquitetura e design de luxo, entretanto, não são somente cadeiras e poltronas que fazem parte deste rol.

É importante que ambientes como cozinhas, salas de jantar e salas de estar possam contar com móveis planejados, desde “simples” armários de cozinha DellAno, até eletrodomésticos da Viking e mobiliário de marcas como Baxter e Fendi Home. Tudo isso para proporcionar funcionalidade e conforto aos espaços.

Projetos de arquitetura e design no mercado de luxo são essenciais para quem busca por aliar bem-estar e sofisticação a um empreendimento que desde seu esboço tem como objetivo vir a ser algo notável. 

A Coelho da Fonseca possui mais de quatro décadas de experiência no mercado de luxo, sempre oferecendo o melhor atendimento para os que buscam por empreendimentos renomados, com projetos que agregam excelência desde sua concepção até os detalhes mais sutis.

Você também pode gostar de ler